Pesquisar este blog

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Meditatio - 2 Caminhada - Meditações sobre a Vida Cristã (2)


Santidade

A ilusão religiosa nos leva a pensar que, se não confessarmos nossos pecados, Deus não ficará sabendo. Isso cria um tipo de esquizofrenia espiritual, uma vida dupla na qual a agenda paralela e secreta de pecado convive com cerimônias, discursos e práticas religiosas. O fariseu é alguém que conhece as Escrituras, mas vive atrás dessa fachada religiosa, resistindo à transformação mais profunda do caráter.

(...)

Confundimos santidade com moralismo. A moral está relacionada com princípios socialmente aceitos. Santidade não é uma moral da boa conduta; é a própria presença do Espírito Santo infundindo em nós o caráter de Cristo, que é amoroso, alegre, pacífico, longânimo, benigno, bondoso, fiel, manso e sereno.

Outras vezes confundimos santidade com legalismo. O legalismo está relacionado com as proibições e conseqüentes punições aos infratores. O fruto do Espírito é diferente. Não se baseia em proibições, mas no potencial humano, amparado por Deus, de fazer o bem e resistir ao mal.

(...)

O santo, portanto, não é aquele que não peca, mas o que sabe reconhecer e admitir que é pecador e encontra, na cruz de Cristo, o perdão de Deus. Só quem chora aos pés da cruz por sua miserável natureza caída pode experimentar a alegria do perdão e do acolhimento de Deus.

(...)

A verdadeira santidade reside no gesto simples do cotidiano, e não no discurso ou na produção religiosa.
(página 75 e 76)
MEDITATIO
Autor: Osmar Ludovico
Editora: Mundo Cristão
Páginas: 208
Categoria: Espiritualidade
Ano: 2007

Leia também: Meditatio - 1 Comunhão - Meditações sobre a Devoção e Meditatio - 2 Caminhada - Meditações sobre a Vida Cristã (1)

Nenhum comentário: